Ocorreu um erro neste gadget

sábado, 30 de maio de 2009

Conselheira da Embaixada cubana busca apoio da CMBH e faz palestra em Contagem


A presidente da Câmara Municipal de Belo Horizonte (MG), vereadora Luzia Ferreira (PPS), recebeu na tarde da quinta-feira, 28 de maio, no Salão Nobre, a visita da Ministra conselheira política da Embaixada de Cuba no Brasil, Maria Antônia Ramos Lara.
Ela veio a convite da Associação Cultural José Marti de Minas Gerais (ACJMMG) pedir o apoio dos 41 vereadores de Belo Horizonte para constituir a Frente Parlamentar Brasil-Cuba em Minas Gerais, a exemplo da Frente já criada no Congresso Nacional, dentro das comemorações dos 50 anos da Revolução Cubana.
Bloqueio econômico
Para a presidente Luzia Ferreira, Cuba vive um isolamento por causa do bloqueio econômico dos Estados Unidos. “Queremos uma América una com o reatamento das relações diplomáticas entre Cuba e Estados Unidos”. Acrescentou ainda que Cuba é um importante mercado para os produtos brasileiros.
A conselheira cubana Maria Antônia disse que “a Revolução Cubana já é uma senhora madura”, mas com o coração jovem. Comentou sobre o período de transição naquele país do Caribe por causa da doença do presidente Fidel Castro, substituído por seu irmão Raul Castro.
Nos dias 11 a 13 de junho, em Florianópolis (SC), será realizada a 17ª Convenção Nacional de Solidariedade à Cuba, com a participação de centenas de movimentos sociais e das unidades estaduais do movimento nacional de solidariedade a Cuba ..
Essa convenção terá o apoio do Instituto Cubano de Amizade com os Povos (Icap), que conta com a filiação de duas mil associações de 140 países. O Icap centraliza a solidariedade a Cuba em todo o mundo.
A partir de 19 horas desta quinta-feira, no Cine Teatro de Contagem, cidade da Região Metropolitana de BH, a ministra Maria Antônia vai proferir uma palestra sobre ‘Aspectos educacionais e culturais da Revolução Cubana’.
Participaram da visita os vereadores João Oscar (PRP), corregedor da Mesa Diretora; Adriano Ventura (PT) e Reinaldo Preto do Sacolão (PMDB); o presidente do Icap, Fábio Simeón Gonzáles; além da Diretora Geral da Associação Cultural José Martí em Minas, Miriam Gontijo de Moraes e do Sindicato dos Engenheiros de Minas Gerais (Senge-MG), Paulo César Rodrigues
Fonte : site da CMBH

Nenhum comentário:

Postar um comentário